A vida em três atos

Passaram-se 10 anos até que sentimos que era hora de voltar para casa, para o lugar onde tudo começou. Não porque cansamos da aventura ou ficamos adultos demais para ela, mas porque escolhemos nos concentrar em um único e claro propósito

Este é o primeiro texto que escrevo aos 49 anos. Sempre gostei de pensar em aniversários não como marcos estáticos, mas como início de uma transição e introdução da idade subsequente. Dentro dessa lógica, eu já estaria, desde domingo (25/09), percorrendo os meus 50 anos. Ou seja, os 49 teriam ficado para trás. Deixei de me importar com essa teoria quando me dei conta de que ela só me deixa mais velho antes do tempo. E, depois de quase cinco décadas de vida, para que fazer isso comigo mesmo, não é verdade?

Além disso, há muitas outras coisas que, diante de uma quebra de ciclo, merecem reflexão. Especialmente quando traz um ponto de virada no curso da vida. É disso que esse aniversário se trata e, coincidentemente, o da IT Mídia também. Como já disse em textos passados, em 2017, nós dois, sonho e sonhador, atingiremos importantes marcas – ele, de 20 anos; eu, de 50. A diferença está no momento de cada um.

Por enquanto, eu falo sobre o da IT Mídia. Fica fácil entender essa transição quando pensamos em um jovem que, com a máxima potência de sua energia e curiosidade, sai para o mundo em busca de aventuras. Em 2003, tomamos a decisão de partir. Assim, iniciamos uma jornada corajosa de crescimento, da TI para outros ares, com a ambição de levar a nossa proposta de valor a todos os principais setores da economia. Por muito tempo, essa foi a nossa visão como organização, e ela nos levou a lugares incríveis – ao agronegócio, à saúde, ao mercado financeiro.

Passaram-se 10 anos até que sentimos que era hora de voltar para casa, para o lugar onde tudo começou. Não porque cansamos da aventura ou ficamos adultos demais para ela, mas porque escolhemos nos concentrar em um único e claro propósito. Foi quando, em 2013, retomamos o foco no setor de tecnologia da informação. Só que o retorno leva tempo para se acomodar. Este é o primeiro ano, de fato, que a IT Mídia vive integralmente essa mudança – em dezembro de 2013, iniciamos a execução da estratégia de focar na marca IT Forum e nos despedir de parte do portfólio, uma transição que perdurou até 2015.

O tema central que definimos para os fóruns de 2017 expressa um pouco dessa fase: “A vida em três atos: mudança, medo e atitude”. Não é fácil encarar a dúvida, você sabe. Quando se atravessa a ponte para a ação, vem ainda o desafio da implementação do plano. E se você quer fazer isso sem destruir valores, não dá para apressar o tempo, pular etapas. Nós poderíamos ter encurtado o trajeto e descontinuado os produtos de saúde, por exemplo, mas pensamos: por que não colocar esse legado a serviço do setor e dar continuidade a ele, mesmo a IT Mídia não estando lá? Isso foi possível com a construção da Live Healthcare Media.

Nesse novo ciclo de 20 anos da IT Mídia, refletimos: no que mais acreditamos? Como nos percebemos e somos percebidos? O que fazemos de melhor? E eu posso garantir a você: nunca esse propósito esteve mais claro e concreto. “Conectar todo o setor de TI” é a nova visão que nos une, a fim de gerar conhecimento e ajudar no desenvolvimento dos negócios na comunidade de tecnologia da informação – a nossa casa. De alguma forma, todo o mundo já percebia isso, só faltavam o verbo e o papel.

Focados, continuamos movidos por grandes ambições. Está certo que eu não tenho mais 20 anos. Mas, negar um chamado para uma nova aventura, jamais.

Comentários
As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem unicamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da IT Mídia ou quaisquer outros envolvidos nessa publicação.

Notícias Relacionadas

Copyright 2017 IT Mídia. Todos os direitos reservados.
É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da IT Mídia.