Fusões e aquisições no horizonte da Internet

Para sobreviver nos próximos anos as empresas pontocom terão

Guerra Neto lembra que, depois das freqüentes quedas da Nasdaq, os investidores estão mais cautelosos e darão preferência para companhias que ofereçam tecnologias e plataformas de software que incentivem à Internet.

O executivo diz que a Internet não suporta um número infinito de negócios como se imaginava e, por isso as oportunidades estarão no estabelecimento de parcerias entre empresas tradicionais e as virtuais.

Para ele, de hoje em diante, o investidor vai apoiar companhias com no mínimo seis meses de vida, dando preferência àquelas com boas e diferentes tecnologias baseadas na Web.

Guerra Neto também acredita que este é o momento de empresas tradicionais entrarem com “força total” na Internet, em muitos casos em parcerias com companhias pontocom porque estas já conhecem o mercado virtual, enquanto as tradicionais têm experiência em um determinado segmento.

O executivo considera que o ano 2001 será perfeito para o equilíbrio entre receita e despesas e cita uma pesquisa realizada pela AT Kearney onde se mostra que o e-commerce está perdendo por volta de US$ 3,8 bilhões pela desistência de consumidores no ato da compra.

Quatro em cada cinco não concluem o processo por diversos motivos como solicitação de cadastro demasiadamente extenso, falta de planejamento dos sites, desconfiança do uso de cartão de crédito e a dificuldade em encontrar os produtos que deseja. Guerra Neto diz que isto mostra a oportunidade de reverter e tirar as empresas do fracasso.

Comentários
As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem unicamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da IT Mídia ou quaisquer outros envolvidos nessa publicação.

Notícias Relacionadas

Copyright 2017 IT Mídia. Todos os direitos reservados.
É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da IT Mídia.