IBM lança plataforma para atender demandas digitas do agronegócio

AgriTech visa integrar dados da cadeia do agronegócio e acelerar a transformação digital do campo

Marcelo Porto, presidente da IBM no Brasil, afirmou que os principais focos da companhia no País neste ano são o setor da saúde e agronegócio. Parte dessa estratégia é o lançamento do IBM AgriCloud, plataforma aberta e agnóstica que está sendo desenvolvida em parceria com empresas do agronegócio brasileiro. O objetivo é criar um sistema de dados e soluções para atender demandas do setor, acelerando a transformação digital do campo.

A plataforma une tecnologias IBM, como computação cognitiva, internet das coisas (IoT), blockchain e dados meteorológicos da Weather Company, com outras soluções 100% brasileiras já reconhecidas pelas principais empresas do setor. É o caso da parceria estratégica com a AgroTools, que há mais de 10 anos capta e mantém um banco de dados territorial do agronegócio tropical e que dispõe de uma metodologia e um motor de mapas únicos para operar na imprecisão fundiária brasileira.

Luis Otavio da Fonseca, líder de agronegócio digital da IBM, destaca que este tipo de parceria permite a criação de uma plataforma neutra. “A IBM AgriTech viabiliza soluções de tecnologia que ajudam o agronegócio, sem intenção de beneficiar determinada indústria. Isto permite que haja confiança necessária para integrar e fazer circular, ao longo da cadeia de valor, informações que hoje estão fragmentadas. Estamos trabalhando para a criação e a manutenção de um ecossistema de parceiros essencial para o atendimento a um mercado que é diverso e complexo, ou seja, que requer soluções especializadas“, explica.

Já o CEO da Agrotools, Fernando Martins, afirma que a parceria com a IBM traz diferenciais e atrativos importantes para o mercado. “A circulação de dados e o raciocínio geo-espacial ao longo da cadeia produtiva são fundamentais para a transformação digital do campo. Estamos engajados com a IBM para construirmos uma plataforma geo-cognitiva e aberta para o agronegócio, permitindo a circulação de dados assim como a extração de insights essenciais para os diversos agentes do setor”.

A IBM AgriTech conta com competências tradicionais da IBM em termos de integração de sistemas, algoritmos analíticos e cognitivos, desenvolvimento de software e computação em nuvem, para atender clientes tanto dentro quanto fora da porteira, ou seja, desde os agentes financiadores e seguradores, até tradings e cooperativas e o produtor.

Comentários

Notícias Relacionadas

Copyright 2017 IT Mídia. Todos os direitos reservados.
É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da IT Mídia.