Um terço dos empregos será substituído por robôs no Reino Unido

10 milhões de postos de trabalho estão sob risco de automação até 2037

O Instituto de Pesquisa de Políticas Públicas (IPPR – Institute for Public Policy Research) divulgou um relatório que prevê que mais de 10 milhões de empregos no Reino Unido – um terço do total – estão em risco de automação nas próximas duas décadas.

Diante do cenário, o IPPR firma que o desafio requer uma ação urgente, visto que os maiores riscos da automação estão concentrados em setores menos capazes de se adaptar à mudança. A pesquisa aponta que somente em varejo, hospitalidade, transporte e indústria são 5 milhões de empregos em risco.

“No atacado e no varejo, por exemplo, há mais de dois milhões e meio de empregos com um alto potencial para serem automatizados e três em cada quatro trabalhadores não têm qualificação de nível e podem não ter adaptabilidade”, diz o relatório.

O IPPR recomenda o governo a introduzir um subsídio de reconversão de até £ 2 mil para aqueles substituídos por máquinas, e para a taxa de aprendizado a ser transformada em um investimento de £ 5 bilhões por ano, oferecendo ajuda especial para as regiões mais distantes de Londres.

“A Grã-Bretanha não pode ignorar as enormes mudanças que transformarão o nosso mercado de trabalho nos próximos anos”, disse Joe Dromey, pesquisador da IPPR. “Se não formarmos a força de trabalho da Grã-Bretanha com as habilidades de que necessitam para o futuro, é provável que seja criada com uma sociedade em que um pequeno número prospera, enquanto muitos ficam para trás”, completa.

Comentários

Notícias Relacionadas

Copyright 2017 IT Mídia. Todos os direitos reservados.
É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da IT Mídia.