Home > Notícias

Brasil é quarta maior referência global em DevOps, revela estudo

Déborah Oliveira

14/01/2016 às 12h10

Brasil é quarta maior referência global em DevOps
Foto:

Apesar de ser novo, ferramentas DevOps já ganharam espaço no Brasil. Estudo realizado pela CA em parceria com a Freeform Dynamics e batizado de Montando o Quebra-Cabeça de DevOps, indica que o País está se tornando referência global na solução do modelo.

De acordo com o levantamento, que ouviu 1,4 mil profissionais em todo o mundo, aproximadamente 16% das companhias que atuam no País já tiveram êxito total na implementação dessas ferramentas, atrás dos Estados Unidos e Índia (25%) e Suíça (23%). O Brasil está à frente de nações como Canadá, Espanha, França, Itália e Reino Unido.

Os números relativos a empresas que já possuem soluções em andamento também sugerem um futuro promissor. Atualmente, 60% das companhias que atuam no Brasil se consideram adeptas iniciantes ou parciais de ferramentas de DevOps, enquanto 24% dos entrevistados pontuaram que trabalham em empresas não-adeptas desse tipo de tecnologia. 

Rodrigo Bernardinelli, diretor de Solution Sales para DevOps da CA Technologies para América Latina, explica que DevOps contribui para competitividade, fidelização de clientes e melhores resultados, como duas vezes mais chances de aumentar a conquista de clientes – diferenciais fundamentais para os negócios hoje, que vivem em um ambiente de constante mudança.

O estudo indica ainda que empresas de telecom estão liderando a adoção de DevOps. Uma a cada quatro empresas do setor usam a tecnologia. O varejo está logo atrás, seguido por serviços financeiro, bens de consumo e saúde.

DevOps e sua aplicabilidade
Na pesquisa, a CA identifica que embora tenha caído na graça das empresas, muitas empresas ainda não conseguiram lidar com DevOps. Pouco mais da metade (55%) dos pesquisados globalmente afirmou que tem objetivos bem definidos para a adoção de tais ferramentas. Além disso, enquanto 86% consideraram a capacitação de stakeholders e o alinhamento da TI às prioridades do negócio como importantes, somente 33% e 37%, respectivamente, chegaram a completar esses passos.

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter Newsletter por e-mail