Oi! Escolha uma opção para entrar

Nunca postaremos nas suas redes sociais

Se preferir, entre com seu e-mail

Esqueceu sua senha?
Não tem conta? cadastre-se grátis

Preencha o formulário abaixo para finalizar seu cadastro:


PapoFácil: VMware inovação no Datacenter, nuvem pública AWS no Brasil em 2019

André Andriolli, CTO e Diretor Engenharia Latam, fala da origem da empresa, trazendo  uma tecnologia revolucionária que cunhou toda a evolução dos datacenters e da forma de lidar com servidores por meio da virtualização e da criação das nuvens privadas que evoluíram para nuvens híbridas, parcerias com grandes players de mercado entre eles a AWS que oferece virtualização VMware e que em 2019 terá estes serviços em datacenters do Brasil.

Gravado dia 22/11/2018 na VMware


PAPOFÁCIL #289 VMware inovação no Datacenter e com nuvem pública AWS no Brasil em 2019


VMware lança novas soluções para apoiar estratégia de multicloud

Operações ficaram mais consistentes, com análise avançada e gerenciamento de risco aprimorado, ajudando os clientes a gerenciarem qualquer ambiente em nuvem

Durante o VMworld® 2018, a VMware, Inc. (NYSE: VMW), líder inovadora em softwares corporativos, anuncia novidades e expansões em seus serviços de cloud para ajudar as empresas a reduzirem o custo e a complexidade de operar em multi-cloud. Esse modelo está em expansão e, segundo a Forrester, 89% das empresas usam ao menos duas nuvens e 74% delas usam três ou mais clouds públicas. As inovações no portfólio de operações de cloud da companhia endereçam os desafios de melhoria desses ambientes, permitindo que os times de CloudOps, de DevOps e de segurança e compliance gerenciem os custos e análises entre as nuvens.

Em todos os setores, as empresas estão adotando uma estratégia multi-cloud seguindo dois caminhos distintos: o da nuvem híbrida e o da nativa. A nuvem híbrida é impulsionada, principalmente, por equipes de operações de TI que estabeleceram um modelo comprovado de infraestrutura em data center. Além disso, tem como foco a criação de um único conjunto de recursos integrados e interoperáveis, com base em infraestruturas e operações consistentes, que abrangem nuvem privada, nuvem pública e edge. Já o caminho da nuvem nativa é impulsionado por uma gama de consumidores de serviços em nuvem, de desenvolvedores a equipes dedicadas de operações em nuvem conduzidas pelo CIO. Essa jornada se concentra na flexibilidade para trabalhar com vários ambientes de nuvem pública sem introduzir complexidade e risco para a empresa.

Para ambos os casos, o VMware Cloud™ é o portfólio completo de produtos e serviços da empresa disponível on premise ou na nuvem. Os serviços em nuvem da companhia oferecem operações consistentes entre ambientes de cloud, enquanto as soluções oferecem visibilidade, automação, segurança e governança necessárias para ganhar agilidade de TI sem complexidade ou riscos associados à utilização de ambientes de nuvem nativos.

“A necessidade dos clientes de aplicações de negócios melhores e mais rápidas está impulsionando a adoção de várias nuvens. O VMware Cloud Services ajuda os clientes a aproveitarem as nuvens nativas para responder a novas oportunidades e ameaças, além de entregar qualquer aplicativo, em qualquer dispositivo. Por meio do VMware Cloud Services, os clientes podem visualizar, gerenciar, proteger e operar com mais eficácia as cargas de trabalho na nuvem. Estamos dividindo os silos de nuvem e ajudando os clientes a atenderem às necessidades de seus aplicativos com os melhores recursos possíveis”, diz Raghu Raghuram, COO de produtos e serviços em nuvem da VMware.

Automação de nuvem VMware: combinando velocidade de entrega de aplicativos com confiabilidade de plataforma

 

Os novos serviços de automação de nuvem da VMware suportam a escolha de nuvens sem interromper as operações das equipes de desenvolvimento. Além disso, fornecem e gerenciam aplicações e infraestrutura, intermediam serviços com grades de proteção flexíveis e automatizam e solucionam problemas no pipelines de liberação de código em múltiplas nuvens. Juntos, esses serviços agilizam a entrega de aplicações, reduzem os silos, permitem escolhas e controlam o desperdício.

 

  •     VMware Cloud Assembly:orquestra e acelera a entrega de infraestrutura e aplicações, de acordo com os princípios do DevOps. O Cloud Assembly oferece um suporte amplo e profundo para nuvens privadas e híbridas baseadas em VMware, incluindo o VMware Cloud na AWS e nuvens públicas nativas da AWS e da Azure. As equipes de projetos podem colaborar facilmente, compartilhando e versionando o conteúdo com a interface gráfica, a CLI ou a API, aumentando a agilidade e interagindo com implementações existentes. Os desenvolvedores podem acessar facilmente recursos usando infraestrutura declarativa como código ou uma API para entregar códigos e aplicações rapidamente.
  •   VMware Service Broker:agrega conteúdo nativo de várias nuvens e plataformas em um único catálogo com políticas baseadas em função. Além disso, oferece interface gráfica de autoatendimento simples ou acesso a APIs sem exigir várias ferramentas de definição diferentes. As equipes de operações podem oferecer aos usuários finais acesso a ambientes predefinidos em execução, seja em uma nuvem privada ou híbrida – baseada em VMware ou nativa em nuvens públicas da AWS ou da Azure. O catálogo poderá, em breve, hospedar serviços definidos como os modelos VMware Cloud Assemby Blueprints e AWS Cloud Formation com serviços adicionais. O Service Broker pode controlar ainda o acesso a recursos e o uso deles com diferentes políticas.
  •   VMware Code Stream:acelera a entrega de software e a solução de problemas com pipelines e análises de liberação. A modelagem rápida de pipeline ajuda os desenvolvedores e as equipes de DevOps a obterem uma entrega contínua de software de alta qualidade para produção em alta frequência. A tecnologia simplifica os principais processos de desenvolvimento de aplicações em várias equipes, usando diversas ferramentas de integração contínua (CI) para um fluxo contínuo de CI / CD. Um painel de análises avançadas torna visível o status de todas as implementações e permite a solução de problemas, bem como a análise de tendências detalhadas dos modelos de liberação de código, visando a redução do tempo de implementação. Ele apresenta ainda integrações com ferramentas de desenvolvedores populares e com as ofertas da companhia, incluindo o Cloud Assembly, o Pivotal Container Service (PKS) e o VMware Cloud na AWS, e suporta nuvens privadas baseadas em VMware, VMware Cloud na AWS e nuvens públicas da AWS e Azure.

Reduzindo o risco em ambientes multi-cloud

O VMware Secure State foi projetado para atender às necessidades e desafios mais urgentes das equipes de segurança na nuvem, oferecendo uma oferta de SaaS que automatiza a configuração da segurança e o monitoramento de conformidade em ambientes com múltiplas nuvens, de forma a desenvolver insights de segurança acionáveis entre as equipes de nuvem, reduzir os custos de segurança e impulsionar a inovação. O novo serviço da companhia fornece:

  • Insights profundos de segurança: indexa, eficientemente, os ativos da nuvem e cria um modelo relacional de infraestrutura para encontrar com eficiência não apenas vulnerabilidades comuns nativas da nuvem, mas também uma seleção emergente de “ameaças conectadas” que existem nas camadas de serviço de nuvem configuradas.
  • Detecção em tempo real: permite que os negócios se movam rapidamente de forma segura, acompanhando todas as alterações na infraestrutura em nuvem em tempo real, fornecendo notificações mais rápidas sobre as alterações de objetos e os serviços relacionados que podem ser afetados. O VMware Secure State oferece segurança proativa para escalar percepções instantaneamente entre as equipes de segurança, engenharia de nuvem e DevOps.
  • Rastreamento e investigação de risco granular: ajuda as organizações a entenderem melhor o risco em todos os seus recursos e equipes, bem como o contexto mais amplo de cada problema em sua implementação. O VMware Secure State fornece uma “cadeia de ameaças” para cada objeto afetado, centralizando a configuração de chaves, a atividade de mudança e os relacionamentos de objetos de nuvem associados.
  • Compliance contínuo: inclui monitoramento e relatórios de conformidade prontos para uso com objetivo de possibilitar benchmark de compliance abrangentes e sob demanda entre equipes, contas, fornecedores e tipos de ativos.

Crie uma escala confiável de negócios digitais com monitoramento e análise avançados

O Wavefront by VMware é uma plataforma de análise e monitoramento nativa na nuvem que oferece aos DevOps, incluindo equipes de engenharia de confiabilidade do site e do desenvolvedor, uma visão instantânea do desempenho dos aplicativos web altamente distribuídos. Esta atualização do Wavefront adiciona melhorias de nível corporativo, incluindo:

  •  Escalabilidade massiva de contêineres:com base em testes internos, a VMware comprovou que o Wavefront pode ingerir, analisar e visualizar dados de métricas de um ambiente que executa 100 mil contêineres. Essa escala maciça é extremamente importante para empresas com ambientes de contêineres altamente dinâmicos usados para atualizações contínuas de um serviço amplamente implementado ou com um número de contêineres em constante crescimento.
  •   Integração com Expanded Pivotal Container Service (PKS): o Wavefront é a única solução de monitoramento de métricas comerciais incorporada ao PKS. Essa integração profunda garante que a visão de Kubernetes e dos aplicativos em contêiner sejam aplicadas desde o início impondo o dimensionamento correto do contêiner. As atualizações incluem o início rápido do Wavefront no PKS, via URL, e os alvos de alerta desejados; aplicação programática de alertas Wavefront pré-definidos para KPIs importantes nos clusters e componentes desejados do Kubernetes; bem como a adição de métricas para alimentar mais de 60 gráficos visando a obtenção de uma compreensão holística e resumida da integridade do Kubernetes no PKS, simplificando o gerenciamento de recursos e resolvendo rapidamente os gargalos de infraestrutura.
  •     Instrumentação e análise sem servidor: o Wavefront aprimora o suporte sem servidor com novos painéis pré-desenvolvidos e SDKs sem servidor. Isso permite que os desenvolvedores enviem métricas personalizadas e sem servidor diretamente ao Wavefront, ignorando o CloudWatch. Com os novos SDKs e painéis do Lamdbda, os desenvolvedores podem fornecer códigos sem servidor de maneira mais rápida, precisa e confiável.
  •   Novos controles de segurança:permitem o gerenciamento de aplicções nativas na nuvem com facilidade, seja por usuário ou grupos de usuários, e o gerenciamento de painéis de acesso em tempo real. Os novos recursos de segurança do Wavefront podem ser acessados por meio de APIs, além de uma interface gráfica avançada e fácil de usar, que permite operações administrativas únicas e em massa. Além disso, limitam o acesso a dados confidenciais apenas para usuários autorizados.
  •  Novas visualizações e aprimoramentos do AWS UX:painéis aprimorados e novos recursos de visualização fornecem visibilidade em tempo real das aplicações nativas na nuvem usando topologias de nuvem pública, conteinerizada e microsserviços. Os novos painéis de controle AWS no Wavefront fornecem gráficos avançados, que permitem o mapeamento de ativos de serviços em nuvem, e recursos de caminho de perfuração, que facilitam o clique e o link entre os painéis, para entender o relacionamento contextual entre eles. Esses novos recursos aceleram o tempo de resolução de incidentes, visualizando rapidamente onde ele está ocorrendo no ambiente geral da nuvem e realizando uma busca direta até o recurso específico de causa suspeita. O Wavefront também lançou widgets de visualização de métricas para as principais listas, listas de status de ativos e exibições de leituras de variáveis métricas individuais para ajudar a identificar anomalias e causas de incidentes mais rapidamente.

Sobre a VMware

A VMware, líder mundial em infraestrutura em nuvem e mobilidade corporativa, ajuda clientes a acelerarem sua transformação digital. A VMware possibilita às empresas a dominar a abordagem de negócios e tecnologias definidos por software com sua arquitetura Cross-Cloud e soluções para data center, mobilidade e segurança. Com uma receita de US$7,09 bilhões em 2016 e sediada em Palo Alto, na Califórnia, a VMware possui mais de 500 mil clientes e 75 mil parceiros ao redor do mundo.


Receba grátis as principais notícias do setor de TI

Newsletter por e-mail