Home > Notícias

CEO da Intel garante que brecha em processador não foi explorada por hackers

Executivo esclarece falha de segurança em processadores da fabricante

Guilherme Borini

09/01/2018 às 9h44

Foto:

Nenhum hacker usou as brechas dos processadores Intel para ataques cibernéticos, garantiu Brian Krzanich, CEO da companhia, durante participação na CES 2018, principal feira de tecnologia do mundo, que começa nesta terça-feira (09/01) em Las Vegas (EUA).

O executivo aproveitou sua participação no evento para dar esclarecimentos sobre as brechas encontradas nos chips da Intel e de outros fabricantes, como AMD e ARM.

As falhas, chamadas Meltdown e Spectre, comprometem bilhões de dispositivos à medida que pode ser usada por programas maliciosos para roubo de dados de usuários e informações dos sistemas.

Krzanich afirmou que diversas companhias, como Apple, Microsoft e Google, já lançaram soluções. A questão é que, como o problema é no processador - componente físico do computador -, atualizações de software não resolvem o problema por completo, apenas contornam a brecha de segurança.

Ainda segundo o executivo, a Intel está trabalhando junto a outros fabricantes de processadores para solucionar a falha, já que, "segurança é o trabalho número um para a Intel", como afirmou.

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter Newsletter por e-mail