Home > Cultura maker: facilitando a inovação nas empresas

Corte laser pode cortar até impostos?

Os materiais que ela pode cortar variam desde: tecidos, papel cartão, madeira compensada ou prensada, acrílico e até chapas metálicas.

Mauricio Ramos

12/08/2019 às 15h47

Laser
Foto: Mauricio Ramos

As cortadoras laser se popularizaram nos últimos anos. Diversas empresas já utilizam em sua produção. Para os Makers, esta é uma ferramenta indispensável!

Mas o que é e, como podemos utilizá-la para criar objetos personalizados?

As cortadoras Laser, são maquinas do tipo CNC, (comando numérico computadorizado), que através de programas do tipo CAD (Computer Aided Design), ou Desenho assistido por computador, são programadas para três operações básicas:

A operação principal, é a de corte. Um corte acontece quando o laser é utilizado para percorrer uma trajetória, penetrando completamente através do material. No final, a trajetória é fechada, assim o material interno à trajetória se desprende e cai.

Outra operação é a marcação. Similar ao corte, porém o laser não atravessa o material, deixando apenas uma marca visível seguindo a trajetória selecionada.

A última é a gravação. Nesse processo, o laser percorre a superfície do material, linha a linha, marcando-a segundo uma imagem ou forma.

Estas máquinas são compostas de 2 eixos, horizontal e vertical, ou X, Y, onde as coordenadas enviadas pelo programa são interpretadas pelo CNC e executadas. Esses eixos são acionados por motores do tipo “passo” que possuem diversas bobinas, as quais podem ser controladas para o eixo do motor assumir uma posição precisa em seu giro de 360º. Para o deslocamento do cabeçote Laser são utilizadas polias dentadas ou correias.

Os materiais que ela pode cortar variam desde: tecidos, papel cartão, madeira compensada ou prensada, acrílico e até chapas metálicas. Os tipos de material que ela poderá cortar vão varias de acordo com o tipo de laser que ela utiliza

Hoje uma máquina destas que corta ou grava em superfícies de 60 x 40cm pode ser adquirida por cerca de R$ 9000,00 nova.

Recentemente falamos dos impostos de importação para itens que utilizamos em prototipagem e, já temos mais novidades nessa área. Mais itens tiveram seus impostos reduzidos ou zerados!

A Secretaria de Comércio Exterior e Assuntos Internacionais do Ministério da Economia divulgou no último dia 02 de agosto, a aprovação de medida que zera, temporariamente, as alíquotas do Imposto de Importação sobre 261 bens de capital e 20 bens de informática!

Em nota, a Secretaria informou que, uma portaria publicada no Diário Oficial da União diminuiu de 14% para zero a alíquota de 240 novos bens de capital (BK), renovando a regra para outros 21. Esse incentivo deve durar até 2022.

Em outra portaria, a Secretaria definiu 20 novos “ex-tarifários”, nome do regime de redução temporária do Imposto de Importação, para bens de informática e telecomunicações (BIT). Neste caso, a alíquota cairá de 16% para zero.

“Somente em 2019, já foram concedidos um total de 1.189 ex-tarifários para BK e BIT. O objetivo é promover a atração de investimentos para o Brasil, desonerando os aportes direcionados a empreendimentos produtivos”, afirmou a Secretaria.

Isto é fantástico para nós Makers que, dependemos do acesso fácil e barato as novas tecnologias, para o desenvolvimento de novos projetos a altura dos nossos colegas que vivem no exterior.

Esta isenção de impostos atinge produtos que não tem um similar nacional, ou seja, não são produzidos em nosso País mas, podem ser usados na composição de produtos desenvolvidos aqui!

Voltemos então para a cortadora Laser. Podemos importar com incentivo de isenção de impostos, caso o modelo não tenha similar nacional, ou podemos importar partes para sua montagem, não tendo essas partes similar Nacional. Resumindo: o laser, parte fundamental da cortadora, pode ser importado com incentivos fiscais!

Podemos então, montar nossa própria cortadora Laser, gastando agora, muito pouco para isso! Makers, acostumados com projetos utilizando Arduino e Raspbarry PI, sabem como fazer isso com certa facilidade!

Para aqueles que não são experts no assunto, ainda podem beneficiar-se destas maravilhas.do corte, gravação, etc.. Basta procurar um FabLab..Esses laboratórios estão espalhados pelo Brasil e aqui em nossa região, a grande São Paulo, encontramos dezenas deles!

Conheça mais este fascinante mundo Maker, lendo nossos posts anteriores, e acompanhem nossa coluna para saber das últimas novidades!

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter Newsletter por e-mail