Oi! Escolha uma opção para entrar

Nunca postaremos nas suas redes sociais

Se preferir, entre com seu e-mail

Esqueceu sua senha?
Não tem conta? cadastre-se grátis

Preencha o formulário abaixo para finalizar seu cadastro:


O próximo segurança do seu prédio pode ser um robô

Por

em Negócios Digitais

2 semanas atrás

Gocil, empresa de segurança e multisserviços, está adotando tecnologias como inteligência artificial (AI) e internet das coisas (IoT) para fortalecer seu portfólio de serviços e soluções

Não faz muito tempo, teria sido inconcebível pensar que serviços de vigilância e limpeza poderiam ser automatizados. A Gocil, empresa de segurança e multisserviços, no entanto, se antecipou a esse cenário e já está implementando tecnologias como inteligência artificial (AI), robótica e internet das coisas (IoT) para otimizar a prestação de serviços. Atualmente, a empresa tem presença em 11 estados entre os quais estão São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais, com planos de expansão para Ceará e Espirito Santo.

Entre os clientes da empresa estão companhias dos mais variados setores, incluindo instituições de ensino, de saúde, centro de logística e distribuição, shoppings, indústria, proteção executiva, instituições financeiras, condomínios empresariais e residenciais.

Entre as novidades apresentadas recentemente pela empresa está a plataforma Integras e os robôs Patrolis e Patrolis+. A Integras é uma plataforma integrada e inteligente que une, em um mesmo sistema, informações até então isoladas, como imagens de câmeras de vídeo, sensores, chips, dispositivos, controle de acesso e automação predial.

A plataforma foi desenvolvida em linha com necessidades detectadas pela empresa na parte de segurança, baseando-se nas centrais de monitoramento do exército norte-americano, mas a metodologia é inédita no Brasil. Estima-se que o investimento para o desenvolvimento da Integras foi de aproximadamente de US$ 5 milhões, apontou Daniella Barbosa, diretora de Marketing e Relações Institucionais da empresa.

Robôs, aliados para o cuidado do bem-estar

Os robôs são desenvolvidos pela empresa brasileira Plugin Bot, parceiro da empresa, porém o conhecimento é fornecido pela Gocil, deixando o aparelho customizado de acordo com as necessidades do cliente. O Patrolis foi pensado para atendimento ao público, tanto para shoppings como hospitais, orientando sobre questões como localização e outras informações utéis.

Já o Patrolis+ foi pensado para complementar o trabalho dos seguranças, já que conta com câmera com a função de identificação facial e outros gadgets que usam tecnologias como IoT, AI e big data. Ele processa e identifica possíveis ameaças, alertando a central de monitoramento.

Poderia pensar-se que essa inserção de robôs na rotina de segurança intimidaria os colaboradores, mas para a Gocil a implementação de robôs complementa o trabalho humano. No caso dos seguranças, o Patrolis+ facilitaria a vida deles ao ir a lugares que podem representar algum risco para a saúde ou integridade física.


Receba grátis as principais notícias do setor de TI

Newsletter por e-mail