Oi! Escolha uma opção para entrar

Nunca postaremos nas suas redes sociais

Se preferir, entre com seu e-mail

Esqueceu sua senha?
Não tem conta? cadastre-se grátis

Preencha o formulário abaixo para finalizar seu cadastro:


Wi-Fi grátis: proteja-se nas férias

Por Julia Ortiz da BrainStory

em Digital

1 mês atrás

Hackers aproveitam a necessidade de estar conectado para fazer vítimas

Estradas lotadas, recesso e sol marcam as famosas férias de início de ano. Segundo a Anac, mais de 100 milhões de pessoas viajaram entre julho de 2017 e junho de 2018 e, para melhorar a experiências de seus clientes, grande parte dos hotéis, aeroportos, rodoviárias e pontos turísticos disponibilizam Wi-Fi gratuito.

Segundo André Duarte, da Arcon, empresa especializada em cibersegurança, não é apenas nos roteiros que os viajantes devem ficar atentos. ‘’Em geral, as pessoas não resistem a um sinal de Wi-Fi grátis mas, sem o devido cuidado, essa prática pode colocar em risco as informações pessoais do usuário’’, destaca.

Dados do Wi-Fi Risk Report, de 2017, mostram que 58% dos brasileiros acreditam que seus dados pessoais estão seguros ao se conectar a uma uma rede de Wi-Fi pública. Para evitar aborrecimentos, especialmente na época das merecidas férias, o especialista recomenda ficar de olho nessas 5 dicas:

  1. Não faça nenhuma transação financeira
  2. Desligue o Wi-Fi quando não estiver usando
  3. Não confie em redes que não peçam senhas
  4. Limpe os cookies do seu navegador
  5. Desative compartilhamento de arquivos

Redes Sociais

Wi-Fi é praticamente sinônimo de Redes Sociais. Afinal, é comum procurar uma boa conexão para poder continuar acessando os aplicativos e, assim como os usuários, os cibercriminosos também usam as Redes Sociais para aplicar golpes. Para não cair em nenhum tipo de golpe, Duarte aconselha evitar acessar links de origem duvidosa ou mensagens que peçam para clicar em endereços específicos, ficar atento aos sites oficiais das empresas quando receber algum link de oferta e, claro, não responder pedidos de desconhecidos para compartilhar dados pessoais.

‘’Dicas simples como criar senhas complexas de acessos, misturando letras e números, não utilizar a mesma senha para todas as contas e sempre finalizar a sessão após o uso podem parecer simples, mas protegem o usuários dos golpes’’, completa.


Receba grátis as principais notícias do setor de TI

Newsletter por e-mail