Home > Notícias

Em 2014, Android supera volume total de smartphones de 2013

25/02/2015 às 11h59

Em 2014
Foto:

O Android não só ultrapassou a marca de um bilhão de unidades em 2014, mas alcançou uma nova marca: os volumes totais de Android embarcados no ano superam o volume total de smartphones de 2013, segundo resultados da IDC. 

A plataforma do Google atingiu 81.5% de market share no último ano. Em relação a taxa de crescimento de embarques ano sobre ano, o Android teve o maior aumento registrado, saltando de 27,7% para 32%. 

Apesar do baixo crescimento nos embarques da Samsung, o desempenho da plataforma do Google deve-se principalmente à atuação de fabricantes como Huawei, Lenovo (Motorola), LG Electronics, Xiaomi e ZTE.

Android e iOS avançaram na dominação total do
mercado mundial de
smartphones no
último ano e responderam por 96,3% de todos os embarques tanto
para o ano, quanto para o último trimestre. O número supera os
95,6% do último trimestre de 2013 e de 93,8% do ano calendário de 2013, apontou a consultoria. 

Segundo a IDC, uma combinação entre forte demanda,
portfólio atualizado e oferta de de dispositivos de baixo custo - especialmente
em Android – impulsionou o aumento dos volumes. 

Já o iOS registrou
o maior crescimento do último trimestre na comparação anual, de 29,2% para
46,1%. A plataforma da
Apple,
contudo, viu sua quota de mercado declinar levemente em 2014, atingindo 14.8%,
mesmo com um novo recorde em volumes (192 milhões) e crescimento (25.6%) quase
no mesmo ritmo do mercado global (27.7). 

Esses resultados da Apple foram impulsionados graças à forte
demanda por iPhones novos e maiores e à recepção desses em mercados-chave.

Para a IDC, o grande desafio será como os dois sistemas
operacionais irão sustentar a demanda daqui para a frente. Nesse sentido, a
consultoria destaca a entrada da Apple no mercado de
tablets, o que trará à
companhia algumas oportunidades. Por outro lado, o baixo crescimento da Samsung
em 2014 levará o Android a apostar mais em fabricantes menores para alcançar
volumes superiores.

Em terceiro lugar, tivemos Windows Phone (4.2% de crescimento ano sobre ano) desbancando BlackBerry (-69.8%), Firefox e as plataformas
restantes em 2014, mas sem apresentar ganhos suficientes para desafiar os dois
primeiros. A plataforma da
Microsoft, companhia que adquiriu a Nokia no ano
passado, sustentou a posição graças aos dispositivos de entrada
Lumia e
parceiros como HTC e Samsung em dispositivos premium. 

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter Newsletter por e-mail