Home > Notícias

Empresas doam conversores digitais e antenas ao Hospital Infantil Joana de Gusmão, em SC

Editorial IT Forum 365

20/10/2017 às 15h29

Foto:

Intelbras, Eletro Rachadel, Seja Digital e NSC TV, unidas em parceria, entregaram aos funcionários, crianças e pais do Hospital Infantil Joana de Gusmão, 71 unidades de conversores digitais e 12 antenas com o intuito de digitalizar os aparelhos analógicos existentes no hospital, presentes nas alas de internação e áreas comuns, contribuindo para a comodidade e bem-estar do público do hospital. Após o desligamento previsto para 31 de janeiro de 2018, o local contará com todos os televisores digitalizados para, automaticamente, receberem as imagens em alta definição.

O Hospital Infantil Joana de Gusmão possui uma infraestrutura completa com assistência geral e especializada a crianças e adolescentes, que necessitam de assistência médica, de enfermagem, prevenção e proteção da saúde, diagnóstico e recuperação. Atualmente, o hospital conta com a área física de 1.580 m², 25 consultórios médicos, sala de procedimentos que inclui as áreas de ambulatório, centro cirúrgico, diagnóstico, exames, unidade de terapia e internação.

A ação envolveu a doação de conversores digitais, modelo CD 636 e antenas AE 4010, oferecidos pela Intelbras e contou com o apoio técnico da Seja Digital, entidade responsável por operacionalizar a migração do sinal analógico para o sinal digital da televisão no Brasil, e a NSC TV, afiliada da Rede Globo em Santa Catarina. A revenda Eletro Rachadel, por sua vez, disponibilizou uma equipe técnica para instalação de todos os produtos. A mesma parceria recentemente também digitalizou um dos asilos mais tradicionais da capital catarinense, o Asilo Irmão Joaquim.

“Estamos muito contentes com a realização dessa ação para crianças, adolescentes e funcionários do hospital. Muitas vezes, os tratamentos são demorados e esse público pode passar um tempo considerável nos leitos e nas alas de tratamento. Pensando no bem-estar deles, casamos o desligamento do sinal analógico com o que poderíamos oferecer; ou seja, nossa contribuição em produtos para digitalizar as TVs”, comenta Tiago Ribeiro, Gerente de Segmento de Conversores e Antenas da Intelbras. “Essa mobilização levará Florianópolis e todo o Brasil a um novo patamar de qualidade de imagem e som”, completa.

Para o Cheila Zortéa, gerente regional da Seja Digital em Florianópolis, a ação vai ajudar a tornar essa tecnologia acessível a todos. “Estamos trabalhando para levar o sinal digital, que oferece qualidade de som e imagem de cinema, a toda a comunidade. É muito importante que todos estejam preparados antes do desligamento do sinal analógico de TV, que acontecerá na região em 31 de janeiro”.

O governo federal decidiu por desocupar a faixa de 700MHz, atualmente usada pela TV analógica, para ser empregada na conexão de internet móvel da quarta geração (4G).

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter Newsletter por e-mail