Home > Notícias

Facebook também começa a esconder contador de likes

Depois do início dos testes no Instagram, o próprio Facebook inicia testes na rede social que ocultam as curtidas.

Redação

02/09/2019 às 15h40

Foto: Adobe Stock

Seguindo os testes que começaram no Instagram, o próprio Facebook agora pode passar a esconder os likes/curtidas.

A "novidade" foi descoberta pela pesquisadora e mestre em engenharia reversa Jane Manchun Wong. Ela percebeu no app do Facebook para Android que a rede social não estava mais exibindo o contador de likes tradicional.

Wong reforça que o recurso ainda não foi lançado para o público geral. Assim como no Insta, a contagem não é exibida, mas a lista de pessoas que gostaram/reagiram ainda fica acessível.

"Curiosamente, o número de curtidas/reações nos comentários ainda não está oculto por enquanto", escreve a pesquisadora. Ela também reforça que isto pode acontecer porque o recurso pode ainda estar em estágio inicial de desenvolvimento.

Ao IT Forum 365, o Facebook confirmou que "está considerando testar a remoção da contagem de curtidas" da plataforma. A empresa não confirmou datas específicas, tampouco se os testes serão levados para todas as plataformas inicialmente -- tais como PC e iOS, além do Android.

Apesar de seguir um caráter semelhante ao dos testes no Instagram, se o Facebook optar por seguir em frente, é possível que a plataforma adote o recurso de forma gradual.

 

O fim dos likes 2.0?

Sete países, incluindo o Brasil, fazem parte dos testes do Instagram. Vem sendo discutida a possibilidade das redes sociais oferecerem menos pressão aos usuários; desta forma, eles começariam a fazer publicações com pensamento menos agressivo em relação à quantidade de curtidas/reações que recebem, comparando-as com de outras pessoas.

A ideia de criar uma rede social mais saudável vem sendo discutida após inúmeros relatos e estudos sobre a relação do uso com a saúde mental dos usuários.

Tratando-se de um teste inicial, não há nenhuma relação de datas sobre a expansão do recurso. O Facebook pode, inclusive, limitar-se a não utilizá-lo em toda plataforma, se acaso prejudicar os resultados de anunciantes e afins.

O IT Forum 365 entrou em contato com o Facebook, mas não obteve resposta até a publicação desta notícia.

Fonte: Facebook. Via: TechCrunch.

*A matéria foi atualizada às 16h56 de segunda-feira, 2, com a confirmação do Facebook sobre o início dos testes.

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter Newsletter por e-mail