Home > Notícias

Gympass: mitos e verdades sobre startups unicórnios

Rodrigo Rodrigues, CTO do Gympass, nos ajuda a desmistificar os mitos sobre as startups.

Wellington Arruda

02/10/2019 às 18h20

Foto:

Startups chamam muita atenção por uma série de fatores. Aqui no Brasil, por exemplo, nós temos alguns nomes que se tornaram bem grandes e popularmente conhecidos.

Um deles é o do Gympass. A startup foi fundada em 2012, hoje já está disponível em 14 países e trabalha com um formato bem diferente de "serviço de academia".

A empresa atua com três áreas: os próprios usuários, as academias, e por fim as empresas parceiras. Como mote, o Gympass quer tornar o mundo menos sedentário.

Em junho de 2019, o Softbank investiu US$ 300 milhões no Gympass, que neste ano também se tornou um unicórnio.

O que essas startups fazem? Como crescem tão "rápido"? É verdade que toda startup é formada por jovens? Toda startup tem um grande investidor por trás ou uma ideia original?

No meio de todos esses questionamentos, convidamos Rodrigo Rodrigues, CTO do Gympass, para debater os mitos e verdades sobre as startups.

 

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter Newsletter por e-mail