Home > Notícias

Hospital Albert Einstein usa tecnologia SAP para aprimorar processo de avaliação de competências

Déborah Oliveira

17/03/2016 às 11h13

Hospital Albert Einstein usa tecnologia SAP para aprimorar processo de avaliação de competências
Foto:

Os números do Hospital Israelita Albert Einstein, em São Paulo, referência nacional em saúde, impressionam. Em 2014, o hospital somava 657 leitos operacionais, mais de 39 mil cirurgias, excluindo cesáreas, executou quase 6 milhões de exames de imagem e publicou mais de 400 trabalhos científicos em revistas indexadas. 

Além do hospital, atualmente, os negócios do Einstein incluem seis unidades de medicina diagnóstica, seis unidades de ensino, uma célula de pesquisa e outra de consultoria e gestão. “Somos mais do que um hospital, e, sim, um sistema completo de saúde”, observa Ronaldo Oliveira, gerente de Projeto de Sistemas de Operação de TI do Hospital Albert Einstein. 

E toda essa engrenagem funciona graças aos seus 12 mil colaboradores, sendo que desse número quase 7 mil são médicos. “As pessoas fazem o Einstein”, afirma o executivo. E foi pensando nas pessoas que o hospital decidiu aprimorar o processo de avaliação de competências de seus talentos, ajudando-os no desenvolvimento profissional. 

Oliveira explica que desde 2004 o Hospital usa tecnologias SAP para as áreas financeira, contábil, suprimentos e recursos humanos. No departamento de RH, o Einstein contava, até então, com módulos de folha de pagamento, remuneração, benefícios administração de pessoal, recrutamento, estrutura operacional e ponto eletrônico. Segundo ele, a adoção do SAP SuccessFactors, na nuvem, em 2015, chegou para completar a arquitetura de recursos humanos, com a implementação da avaliação de competências. 

Patricia Lugatto, especialista de TI do Hospital, conta que antes a tecnologia para desenvolvimento de pessoal era customizada e todo o controle do plano de desenvolvimento organizacional (PDO) controlado em planilhas. Havia a necessidade de contar com uma ferramenta mais dinâmica que mostrasse dados em tempo real para os gestores. 

“Após visitas a outros clientes e um RFP, identificamos que a ferramenta da SAP estava em linha com nossas necessidades.” O projeto teve início em julho de 2014 e foi finalizado em dezembro do mesmo ano. Contudo, o uso da ferramenta aconteceu no ano passado, na primeira avaliação dos times.

A especialista destacou a parceria do RH e da TI como um dos fatores-chave de trunfo do projeto, que teve sucesso de adesão: 99,6% dos profissionais elegíveis concluíram a avaliação, estabelecendo ações de desenvolvimento e aprimoramento profissional. 

Dados levantados pelo RH e pela TI apontam ainda que 12.792 pessoas preencheram seus perfis na ferramenta, indicando informações de formação etc, 11.290 talentos foram analisados na avaliação de desempenho e o sistema registrou 34 mil acessos. 

Para Simone Azevedo, gerente de RH do Albert Einstein, o maior desafio do projeto foi contar com perfis diversificados de talentos no hospital (muitos deles não têm estações de trabalho), e orientá-los sobre o preenchimento da avaliação. “Engajamos do profissional de radiologia, que fica cerca de quatro horas no hospital, ao camareiro”, comemora.

Uma das ações de orientação destacadas por ela foi o uso de totens interativos com tela sensível ao toque para simular como os profissionais terão de realizar o preenchimento das informações. “A ferramenta é intuitiva e ajudou bastante no processo”, conta, acrescentando que o Hospital convidou alguns grupo para treinamento, somando 2.207 horas e 1.471 profissionais, que ajudaram a disseminar a informação sobre o correto uso da tecnologia. 

“Como cliente da área de TI, penso que uma equipe interna é fundamental para conduzir projetos com excelência. Foi o que aconteceu. Além disso, é preciso ter um bom parceiro, como tivemos”, completa.

Os próximos passos, assinala Patricia, incluem a instalação da versão móvel da tecnologia para ampliar o uso da solução da SAP a partir de dispositivos móveis, melhorias no processo do plano de desenvolvimento e expansão do uso para outros módulos.

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter Newsletter por e-mail