Home > Notícias

HP demitirá até 9 mil pessoas para poupar US$ 3 bilhões

Novo CEO, Enrique Lores, diz que empresa fará uma transformação agressiva com foco no digital.

Redação

04/10/2019 às 16h47

HP Inc. é resultado da divisão da Hewlett-Packard Co., que também deu origem à Hewlett Packard Enterprise (HPE)
Foto: Shutterstock

O novo CEO da HP, Enrique Lores, anunciou na quinta-feira (3) um novo plano para otimizar as operações da companhia. A previsão é de que a força de trabalho seja reduzida entre 13% e 16% nos próximos três anos.

Atualmente, cerca de 55 mil pessoas compõem a força de trabalho na HP. No caso, a fabricante espera reduzir entre 7 e 9 mil pessoas até 2022.

As novas medidas, anunciadas em uma reunião com analistas de Wall Street, estimam poupar cerca de US$ 1 bilhão por ano até o final do ano fiscal de 2022.

Enrique Lores espera, com as mudanças, transformar o modelo de negócios da HP em algo mais digital e concentrado em serviços.

"Estamos tomando medidas ousadas e decisivas ao embarcarmos no próximo capítulo", disse Lores. Segundo o executivo, as mudanças ajudarão a empresa a avançar a "liderança, sendo uma força de mudança na indústria e transformando agressivamente a maneira como trabalhamos."

O executivo foi nomeado para o cargo em setembro, mas deverá assumi-lo em 1 de novembro. A missão é de adaptar a HP aos hábitos de consumo de cliente, em especial no mercado de cartuchos de tintas.

O novo plano de redução na força de trabalho ocorre exatamente quando um plano anterior de restruturação (de três anos) é finalizado. Este, por sua vez, que incluiu a eliminação de até 5 mil empregos.

Via: Cinco Dias/El País.

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter Newsletter por e-mail