Oi! Escolha uma opção para entrar

Nunca postaremos nas suas redes sociais

Se preferir, entre com seu e-mail

Esqueceu sua senha?
Não tem conta? cadastre-se grátis

Preencha o formulário abaixo para finalizar seu cadastro:


Supera Parque inaugura laboratório de compatibilidade eletromagnética

Por Redação

em Mercado

3 anos atrás

O Supera Parque anunciou a inauguração de um laboratório de compatibilidade eletromagnética, em Ribeirão Preto, interior de São Paulo. O local pode beneficiar a indústria de eletroeletrônicos, diminuindo custos logísticos e tempo de espera para certificações. O local começa a operar oficialmente na próxima quinta-feira (14/4).
 
Fruto de convênio entre a Fundação Instituto Polo Avançado da Saúde (Fipase, que investiu 15% do valor total) e a Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação do estado de São Paulo, o local será inaugurado durante evento de comemoração dos dois anos do Supera Parque de Inovação e Tecnologia, com a presença da prefeita Darcy Vera e do secretário estadual de Desenvolvimento, Marcio França.
 
O novo laboratório, localizado no Parque Tecnológico, recebeu investimentos de R$ 1,6 milhão da Secretaria de Desenvolvimento Econômico – a partir de recursos do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). O investimento faz parte do plano de melhoria da competitividade de Arranjos Produtivos Locais (APLs) paulistas.
 
O laboratório montado pelo Supera permitirá a realização de ensaios de compatibilidade eletromagnética conduzida, de acordo com as principais normas nacionais e internacionais. Segundo Erico Moreli, coordenador do Supera Centro de Tecnologia, o laboratório ajudará empresas no sentido de diminuir custos de certificação e inovação. “Além disso, o laboratório reúne técnicos com conhecimentos altamente especializados em áreas críticas para o desenvolvimento de novos produtos”, completa.
 
O coordenador ressalta, ainda, que a entrada em operação do laboratório deve movimentar a economia local. “O desenvolvimento de novos produtos implica em aumento de produção, de exportações, de empregos e, consequentemente, aumento de competitividade das empresas”, diz.

Receba grátis as principais notícias do setor de TI

Newsletter por e-mail