Home > Notícias

Renault-Nissan dá um salto em processos com plataforma para gestão de CSC

Empresa reportou 30% de ganho na produtividade, garantindo agilidade na tomada de decisões e retornos

Fabiana Rolfini

27/02/2018 às 10h00

Foto:

Com o objetivo de reduzir os custos, melhorar a qualidade operacional e aumentar a produtividade, a Renault-Nissan — aliança firmada entre as montadoras em 1999 — decidiu implantar um Centro de Serviços Compartilhados (CSC), que consiste na centralização das funções de apoio das unidades de negócios.

Implementado em 2013, o primeiro CSC da companhia estabeleceu-se em Buenos Aires, na Argentina, com foco nas operações de TI, dando suporte a toda América Latina. Com o seu sucesso, a Renault-Nissan decidiu criar um CSC no Brasil, dedicado à outras áreas de negócios como Finanças e Compras, em Curitiba (PR).

Com todas as demandas feitas antes por e-mail, o que dificultava a gestão dos processos internos, a Renault-Nissan decidiu adotar uma solução que apoiasse o controle das atividades relacionadas ao seu CSC regional. E, a partir do alinhamento entre a equipe de TI com demais áreas de negócios, a companhia decidiu investir na ferramenta de gestão de serviço da catarinense Ellevo.

O projeto, segundo René Fantini, gerente-geral de TI e CSC da montadora, atendeu às necessidades da Renault-Nissan e os benefícios puderam ser notados após seis meses de implementação da tecnologia. “Tivemos aumento de 30% na produtividade, já que ganhamos mais controle nos processos, garantindo agilidade na tomada de decisões e retornos. Hoje, contamos com um acordo de nível de serviço bem definido e atividades automatizadas”, aponta.

Também foi possível reduzir o tempo de atendimento, retrabalho, demandas e conflitos internos. Hoje, a empresa conta com aproximadamente 50 atendentes em seu CSC e quase 6 mil solicitantes. A expectativa, ainda de acordo com o executivo, é de dobrar o número de atendentes no próximo ano.

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter Newsletter por e-mail