Home > Notícias

Xiaomi não tem planos de levar sua loja de apps para outros mercados, afirma Hugo Barra

Déborah Oliveira

03/03/2015 às 14h34

Xiaomi não tem planos de levar sua loja de apps para outros mercados
Foto:

Rumores de que o Google se sente ameaçado pela ascensão da fabricante de smartphones chinesa Xiaomi, que tal qual a gigante de buscas tem uma loja própria de apps, já não fazem mais sentido depois da afirmação do vice-presidente da Xiaomi, Hugo Barra.

O executivo brasileiro, ex-funcionário do Google, afirmou hoje (3/3), no Mobile World Congress (MWC), que acontece em Barcelona, que o modelo de loja de aplicativos da Xiaomi na China não é algo que deverá ser replicado em outros mercados.

Segundo informações do site Tech Crunch, Barra lembrou durante apresentação que a fabricante inclusive trabalha com o Google em outros mercados, como parceiro, desde o primeiro dia de atuação da Xiaomi na China. Além disso, ele relatou que os serviços do Google fora da China são essenciais para a companhia.

Pelos cálculos empíricos de Barra, a Xioami, hoje, ocupa o terceiro lugar em termos de lojas de app na China, consequência da popularidade da plataforma no país.

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter Newsletter por e-mail